Me VISITEM no DIRECTORY e Participem Tambem!

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Tuas Marcas...


"Minhas marcas estão visíveis e não conseguem cicatrizar nunca"

Ainda trago comigo,
As tuas malditas palavras.
Me ferem o coração,
Me tiram o ar...
Escuto-as soltas,
Livres com o vento.
Sinto que na alma,
Também esta gravada
E encravada na dor,
No sofrimento!
Foram belas e delicadas,
As tuas palavras,
Envaidecidas.
Marcas cortantes,
Para que nunca,
Sejas esquecida,
Nem abandonada.
A vida que contigo...
Eu, teu poeta sofredor,
Mantinha escondida!
Doí muito saber, que mesmo assim,
Ainda amo voce!

Simone Martins - 13/06/2011


Foto:GOOGLEhttp://1.bp.blogspot.com/yl4AfMEyUns/TfYg9dmUpLI/AAAAAAAAAdI/WJYE0wYYsE0/s1600/8615machucado%255B1%255D.jpg

7 comentários:

  1. Simone

    O Amor (o verdadeiro) é isso. Não se apaga com borrachinha.
    Se não queres o esquecimento, cria um Mundo teu, vive contigo mesma. O tempo e o Coração, dir-te-ão como proceder.
    Belo Poema.

    Beijo

    SOL da Esteva
    http://acordarsonhando.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Si,não mandamos no coração e,muitas vezes,ficamos assim,marcadas pelo amor!Linda sua poesia!Adorei seu comentário no meu blog e até salvei pra postar um outro dia,se não se importar!Bjs,

    ResponderExcluir
  3. Hoje mais uma vez com uma colinha
    até ficar bem e poder digitar
    a vontade sem sentir dor
    nos meus dedinhos.
    ESTOU COM TENDINITE E
    FAZENDO FISIOTERAPIA
    TODOS OS DIAS.
    Nem por isso deixarei de
    me fazer presente a cada amizade
    para mim tão sagrada.
    Deus abençoe sua semana ..
    beijos no coração..Evanir..
    Te Amo..Te Amo...

    ResponderExcluir
  4. Visitando-lhe e parabenizando a sua arte.Muitos sucessos!abçs e paz.

    ResponderExcluir
  5. A amizade, nasce e cresce como flor,
    mas para ela viver,devemos cultivar com amor.
    Rega-la a cada amanhecer.
    Manter a sinceridade sempre
    Não quero sua amizade por um
    unico Dia.
    E sim para toda vida.
    Depois da flor vem a semente.
    Vamos planta-la.
    Nossa amizade enraizada.
    Até o fim da nossa jornada.
    beijos meus,Evanir.

    ResponderExcluir
  6. Quando amamos de verdade, somos capazes de suportar até as covardias.

    lindo poema.

    Abraços

    Nina

    ResponderExcluir
  7. Si, que engracado, lendo esse texto, pensei que se fosse há uns anos atrás ele serviria completamente pra um caso que tive lá nos meus 20 anos e que durou atéééé sei lá, nem lembro mais, mas foram anos.
    Que bom essa constatacao, pena que o tempo nao perdoa.
    Aquele teu coment do colo foi adorável, eu sempre me rendo a um, dois, três... quantos possíveis!! hehehe

    ResponderExcluir

Nesse blog., te deixo a vontade para escrever o que quiser, afinal, este é meu lado negro...kkkkk...só tome cuidado, pois outras pessoas irão ler tambem. Obrigado